• Rua Tapajós, 645/655. Centro, Manaus/AM
  • (92) 3233-5555, (92) 98118-1168
  • Seg a sex: 12:30h às 19h Sáb 08:00 às 12h e 13:00 às 17h

Blog

Crosslinking: saiba como funciona o moderno tratamento para ceratocone

Tratamento para ceratocone: como funciona o crosslinking?

Os nossos olhos são fundamentais para o bom funcionamento do organismo, por isso é essencial ter os cuidados necessários com essa parte do corpo. Diversas doenças oculares podem prejudicar a saúde dos olhos, porém existem métodos cirúrgicos eficientes que ajudam a evitar complicações. O tratamento para ceratocone é um deles.

O ceratocone é uma doença que atinge a visão, causando a deformação da córnea. No entanto, os pacientes contam com vários recursos para tratar o problema. O crosslinking tem um papel importante nesse processo, pois a saúde ocular merece os cuidados necessários.

Para ajudar você, nós, do Julia Herrera Hospital de Olhos, decidimos mostrar o que é e como funciona o tratamento para ceratocone, além de outras informações essenciais. Acompanhe o conteúdo até o final!

Você pode gostar de ler:

O que é o crosslinking?

O crosslinking é uma das evoluções da medicina, pois é um método cirúrgico moderno. A técnica tirou diversos pacientes da fila de transplante de córnea, pois o procedimento tem o objetivo de fortalecer o tecido corneano, impedindo que a doença evolua.

O ceratocone é uma doença que prejudica a visão do paciente. Ela atinge a curvatura da córnea, e pode causar a miopia ou astigmatismo irregular. Tratar esse problema com o uso de óculos ou lentes de contato rígida não é a melhor opção para casos mais avançados.

Essa técnica, o crosslinking, é o tratamento mais indicado pelos especialistas, por ser uma técnica moderna da medicina. Ele aumenta a resistência e instabilidade da córnea.

Como funciona o tratamento para ceratocone?

Antes de tudo, é feito uma raspagem da córnea para retirar parte do epitélio da córnea central, facilitando a penetração da substância nos olhos. Em seguida, ocorre a aplicação do colírio.

O procedimento é invasivo e consiste no uso de radiação ultravioleta, que tem o objetivo de enrijecer o tecido da córnea com os raios UVA, associados a substância riboflavina (vitamina B).

O crosslinking permite que novas ligações sejam feitas entre as fibras de colágeno, dessa forma, aumentando a resistência mecânica da córnea e fortalecendo a sua estrutura. Além disso, evita que o paciente chegue ao estágio mais avançado e grave do ceratocone.

Esse procedimento deve ser feito dentro de um centro cirúrgico e não há necessidade para internação do paciente.

Indicação para o tratamento

O tratamento varia de acordo com o estágio da doença. Em casos iniciais, o ceratocone pode ser tratado com o uso de lentes ou óculos.

No entanto, pacientes que estão tendo acompanhamento médico por um ano, ou seja, casos de doença precoce, podem realizar o procedimento crosslinking. Além disso, pessoas que têm intolerância às lentes de contato, não tendo indicação ao transplante de córnea.

O crosslinking é um tratamento para ceratocone inovador que está beneficiando muitas pessoas. O método interrompe o avanço da doença nos pacientes, diminuindo inflamações nos olhos e melhorando a acuidade visual. Dessa forma, é possível evitar que a sua visão seja prejudicada pela doença.

Gostou do conteúdo do Julia Herrera? Nós procuramos trazer matérias sobre os avanços da medicina, pois o nosso objetivo é cuidar da sua saúde com técnicas modernas.

Julia Herrera Hospital de Olhos

A nossa estrutura conta com profissionais altamente qualificados e experiente para tratar da sua visão com os melhores tratamentos. Clique aqui para agendar sua consulta e cuidar da saúde ocular.

Escreva um comentário