• Rua Tapajós, 645/655. Centro, Manaus (AM)
  • (92) 3233-5555   (92) 98118-1168
  • Seg a sex: 08h às 18h Sáb 08h às 12h

Blog

Como escolher um hospital oftalmológico? Veja 5 pontos que você precisa avaliar!

hospital-oftalmologico

Não importa a sua idade. Em algum momento da vida será necessário realizar exames de vista para checar se está tudo bem. Dependendo do resultado, tratamentos podem ser necessários também. E nessas horas, o melhor mesmo é ter um hospital oftalmológico e profissionais de confiança.

Afinal, quando se trata de saúde, todo o cuidado é pouco, certo? Pensando nisso, nós preparamos esta matéria para mostrar o que avaliar ao escolher a sua instituição de saúde. Confira!

1. Verifique o histórico do hospital oftalmológico

Ao precisar de um serviço médico em algum hospital oftalmológico, não esqueça de pesquisar o histórico dele. Certifique-se de que não existem reclamações na internet, casos de erros médicos ou de negligência.

Tão importante quanto descobrir casos de falhas médicas é saber também do histórico de sucesso. Afinal de contas, os elogios, depoimentos e indicações de pacientes ajudam a reforçar a credibilidade do hospital.

Se possível, converse com quem já foi tratado na instituição. Medidas como essas são importantes para garantir que o seu tratamento alcance bons resultados.

Não deixe de conferir também:
– Mau uso do colírio: conheça os riscos para sua visão
– Tratamento para ceratocone: como funciona o crosslinking?

2. Averigue o currículo dos profissionais de saúde

Agora que você já pesquisou sobre a instituição, é hora de avançar. Procure na internet o nome do médico oftalmologista que cuidará de você.

Pontos como instituição de formação, especialização e a experiência dele são fundamentais. Verifique também o número de cirurgias e procedimento tratados. Quanto mais qualificado e experiente for o profissional, mais confiança e segurança você terá.

Na Plataforma Lattes, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPQ), você tem acesso a essas e outros informações sobre o profissional, tais como: lugares onde trabalhou, formação, especialidades e outros.

Mais uma vez, ouça o relato de um ex-paciente para saber das suas impressões e se o procedimento foi um sucesso. Parece exagero, mas tudo que envolve saúde precisa de muito cuidado para não colocar em risco o seu bem-estar.

3. Esteja por dentro dos principais tratamentos oferecidos

Não são raros os casos de pessoas que passam por várias unidades de saúde para tratar um problema. Entre idas e vindas para fazer exames e consultas, o tempo vai passando e, em casos especiais, o problema pode ir se agravando.

Por isso, é fundamental que você dê atenção às especialidades do hospital. Verifique se os procedimentos e tratamentos são oferecidos de modo completo na unidade e previna transtornos.

Conhecer a fundo o hospital de oftalmologia e suas especialidades reforça o empenho da instituição em oferecer as melhores condições de tratamento aos pacientes.

4. Descubra se o hospital possui alguma acreditação

As especialidades médicas possuem academias, conselhos e representações regionais e nacionais. É comum que essas instituições exijam excelência no atendimento e uma excelente gestão de segurança dos hospitais cadastrados.

A Acreditação é um dos meios para se alcançar melhor qualidade nos procedimentos médicos e promover um desenvolvimento contínuo das organizações. Com isso, a instituição investe no aprimoramento das equipes e na segurança hospitalar.

Verifique se o hospital possui alguma certificação que assegure os padrões de excelência hospitalar e garanta a biossegurança cirúrgica dos pacientes.

5. Confira se ele possui estrutura adequada para emergências

Esta dica complementa o que dissemos no terceiro tópico. Embora a maioria dos procedimentos cirúrgicos nos olhos sejam de baixa e média complexidade, é preciso estar preparado para qualquer emergência.

Procure saber se o hospital que você deseja tratar da saúde possui estrutura adequada para lidar com situações mais delicadas. Uma dica importante é fazer uma visita para conhecer as instalações do prédio com antecedência.

Além disso, para casos em que o procedimento exija alguns dias de repouso, vale descobrir se existem apartamentos à disposição. Quanto melhor a estrutura, melhor também será para o seu tratamento.

Agora que você já sabe como escolher o hospital oftalmológico para o seu tratamento, não deixe de compartilhar esta informação com os seus amigos. No nosso blog, você encontra outros conteúdos importantes sobre saúde. Não deixe de conferir também: Retinopatia diabética: o que é, causas e sintomas.

Escreva um comentário