• Catarata nada mais é que a opacificação do Cristalino (lente natural e transparente dentro dos olhos). É a causa mais comum de cegueira no mundo, porém é reversível. Essa opacidade surge na maioria das vezes devido ao envelhecimento. Em regiões mais ensolaradas, como em nosso meio, acontece em torno dos 55 anos.
    Outras causas que podem inclusive antecipar esta opacificação são: diabetes, uso sistemático e sem indicação médica de colírios, principalmente os com corticóides, inflamações intraoculares e traumas fortes na região dos olhos. Além da possibilidade de existir também Catarata Congênita, quando se nasce com catarata – sendo necessário tratamento de forma urgente.



    SINTOMAS:
    1. Dificuldade para enxergar com nitidez;
    2. Alterações da percepção de cores ou leve piora não muito bem entendida;
    3. Visão como se estivesse com as lentes dos óculos embaçadas;
    4. Névoa diante dos olhos;
    5. Enxerga-se apenas vultos com o passar do tempo;
    6. A evolução pode levar alguns meses ou anos.

    CAUSAS
    A causa mais comum da catarata é o envelhecimento do cristalino. Porém também poderá estar associada a alterações metabólicas que ocorrem em certas doenças sistêmicas, (ex. Diabetes Mellitus), oculares (ex. uveíte), secundária ao uso de certos medicamentos (ex. corticoides) ou a trauma ocular (contuso ou perfurante), descarga elétrica, radiação ultravioleta, radioterapias ou queimaduras químicas graves. Além da possibilidade de existir também Catarata Congênita, quando se nasce com catarata – sendo necessário tratamento de forma urgente.
  • O tratamento disponível atualmente é cirúrgico. No caso dos adultos não existe urgência, mas sim quando ela é congênita. Porém é recomendável realizar a cirurgia o quanto antes estiver atrapalhando o dia-a-dia. Pois é quando o cristalino ainda não está tão endurecido, facilitando a cirurgia e a recuperação pós-operatória. Durante a cirurgia de catarata é realizado o Implante de Lente Intraocular. Atualmente, podemos corrigir com grande precisão o grau de Miopia, Hipermetropia e Astigmatismo com estas lentes. Além disso, poderem ser Multifocais / Trifocais e possibilitam, portanto, uma maior liberdade quanto ao uso dos óculos (Não sendo mais necessários durante grande parte do dia-a-dia).

    **Lembre-se, a lente intraocular é definitiva, escolha a melhor possível.

    ANESTESIA:
    A anestesia que utilizamos atualmente é o bloqueio retrobulbar (injeção pela lateral dos olhos, que chega à região posterior para gerar analgesia) associado a leve sedação, sob responsabilidade de nosso experiente Anestesiologista.

  • ORIENTAÇÕES IMPORTANTES PARA A CIRURGIA

    DIAS ANTES:
    • Boa alimentação e Hidratação;
    • Melhorar o controle de Doenças Crônicas, principalmente Diabetes e Hipertensão;
    • Avise seu médico se apresentar febre, dor de garganta, tosse ou outros sintomas avise o seu médico;
    • Solucione todas as suas dúvidas antes de realizar o procedimento.

    OBS: Não esqueça de suspender os medicamentos para “afinar o sangue” (AAS, Ginkgo biloba, entre outros) uma semana antes da cirurgia, quando for orientado pelo seu médico.

    NO DIA DA CIRURGIA:
    • Programe-se para não se atrasar e chegar no horário marcado;
    • Alimentação o mais leve possível para não correr riscos durante a anestesia;
    • Tome seus medicamentos normalmente. Principalmente os da pressão arterial.

    PÓS-OPERATÓRIO IMEDIATO
    • Você permanecerá na sala de recuperação por alguns minutos. Poderá sentir mais frio, ás vezes tremores, conversar e perguntar sobre o mesmo assunto várias vezes, pode apresentar enjôo ou vômitos (raramente).
    • Quando for se levantar pela primeira vez após a cirurgia poderá sentir tonturas. Deite imediatamente se for de forte intensidade. Estando em pé e sem tontura você deve caminhar alguns metros pelo corredor.
    • É importante que o acompanhante não tome atitudes precipitadas. Chame alguém da equipe para poder auxiliar.

    AO RETORNAR PARA CASA
    • O acompanhante deve estar sempre ao lado da paciente. Se em algum momento sentir tontura ou sensação de desmaio o acompanhante deve sentar ou deitar o paciente onde ela estiver, nunca o segure em pé;
    • Evite dormir do lado operado;
    • Você precisará retornar para nova avaliação conforme orientação do seu médico; • Apenas pingue os colírios prescritos antes ou após a cirurgia:
    • Tome banho normalmente, com cuidado. Feche bem os olhos;
    • Caso fique resfriado ou com gripe, comunique ao médico. Espirros e tosses aumentam a pressão arterial e a pressão no interior dos olhos e deslocar a lente;
    • Caso precise ligue para os telefones dos médicos da equipe ou para o HOJH.

Acesse Nosso Canal no Youtube

O Assunto é Pterígio

Dr. Roberto Mascato em entrvista para a TV ACritica explica como a cola biológica facilita a cirurgia de Pterígio, popularmente conhecida como carne crescida no olho. O procedimento diminui o recuperação e evita os pontos.

Cirurgia de Facectomia

Cirurgia de Facectomia + Implante de Válvula Express para Glaucoma realizada pelo Dr. Roberto Mascato no Hospital de Olhos Julia Herrera. (DT - 2020)

DICA #1 - Consulta Oftalmolóca

Saiba dos cuidados a serem tomados na consulta Oftalmológica e na escolha dos óculos.

Convênios

  • ambep
  • amil
  • bradesco
  • cassi
  • claro
  • eletrobras
  • embrapa
  • embratel
  • gama
  • golden cross
  • infraero
  • maritima
  • medial
  • pame
  • petrobras
  • policia civil
  • saude caixa
  • sulamerica
  • unibanco
  • unimed

Siga-nos nas mídias sociais

Você também pode nos acompanhar nas mídias sociais clicando nos ícones abaixo. Mais um meio de comunicação entre o Hospital e você.

Nosso canal no Youtube

Você também pode assistir a dicas e procedimentos no nosso canal no YouTube clicando aqui!