• R: Salvador, 440, Ed. Soberane - Torre Corporate, 11º andar- Adrianópolis
  • Av. Coronel Teixeira, 6225 | Britannia Park Offices | 6o andar | sala 603 | Ponta Negra (Em breve)
  • (92) 3233-5555, (92) 98118-1168
  • Seg a sex: 12:30h às 20h Sáb 08:00 às 12h e 13:00 às 17h

Blog

Conheça as formas de tratamento do glaucoma

Veja as formas de tratamento para glaucoma.

O tratamento para glaucoma é a melhor forma de combate da doença, uma vez que não existe uma cura e caso a visão seja perdida, não há como recuperá-la. Mas se diagnosticado precocemente, o glaucoma pode ser controlado. Além disso, medicamentos e intervenção cirúrgica podem retardar e/ou prevenir o aumento da perda de visão. 

Mas antes de falarmos sobre as formas de tratamento, vamos relembrar o que é e quais os tipos de glaucoma. 

O que é glaucoma?

O glaucoma é um problema ocular caracterizado pelo aumento da pressão intraocular. Ele atinge o nervo óptico, que passa a não conseguir enviar os estímulos ao cérebro, fazendo com que as imagens não sejam formadas.

Veja agora os diversos tipos de glaucoma

1. Ângulo aberto

O tipo de glaucoma mais comum é o de ângulo aberto. Ele é causado por uma progressão lenta da obstrução dos canais de drenagem do olho. Isso provoca o aumento da pressão intraocular.

2. Ângulo fechado

O ângulo fechado é um tipo de glaucoma menos comum. Nele a pressão do olho aumenta de forma abrupta. Isso acontece porque a saída de humor aquoso é bloqueada repentinamente, causando sintomas prontamente e exigindo cuidados urgentes.

3. Glaucoma secundário

Os tipos de glaucoma têm, normalmente, fatores hereditários que tornam possível o desenvolvimento da doença. Mas o secundário acontece por conta de fatores externos.

4. Glaucoma congênito

O tipo de glaucoma congênito é o menos comum de acontecer, mas é possível. Caso haja o aumento da pressão intraocular durante a formação do feto, a criança pode já nascer com a doença.

Leias as definições completas acessando o link: Tipos de glaucoma: veja os níveis de gravidade da doença

Formas de tratamento para o glaucoma

Existem diversos colírios que atuam no tratamento do glaucoma controlando a pressão intraocular. É importante ressaltar que o uso de colírios só deve ser feito mediante prescrição de médico especialista.

Tratamento do glaucoma através de procedimentos cirúrgicos 

O tratamento do glaucoma também pode ser feito por meio de cirurgia. Existem diferentes tipos de cirurgias e cada uma delas é aplicada a um determinado tipo de glaucoma, podendo variar também de acordo com o estágio de evolução da doença. Por isso, o médico especialista deve avaliar caso a caso, buscando a melhor solução para o quadro do paciente.

Cirurgia a laser

A intervenção a laser é indicada somente quando o tratamento com o colírio não apresenta os resultados desejados. Entretanto, mesmo após a realização da cirurgia com laser, o paciente com glaucoma precisa continuar a fazer uso dos medicamentos tradicionais.

Existem ainda opções de tratamento cirúrgico para glaucoma que são considerados mais invasivos, como os implantes de válvulas.

Implantes de válvulas

A válvula é posicionada e passa a comunicar a parte interna do olho com a região mais externa. Assim, o líquido excessivo passar por ela, é armazenado e reabsorvido em outra região do olho, fazendo com que a pressão ocular diminua.

O Julia Herrera Hospital de Olhos é referência da Região Norte nos tratamentos de média e alta complexidade. Realizamos a trabeculoplastia a laser e o implante de válvula ocular para tratamento do glaucoma Agende a sua pré-consulta conosco e mantenha em dia a saúde dos seus olhos.

Escreva um comentário