• R: Salvador, 440, Ed. Soberane - Torre Corporate, 11º andar- Adrianópolis
  • (92) 3233-5555, (92) 98118-1168
  • Seg a Sex: 13h às 20h30 Sáb: 08h às 12h

Blog

Ceratoscopia computadorizada: saiba tudo sobre o exame

A ceratoscopia é um exame também conhecido como topografia da córnea

A ceratoscopia é um exame também conhecido como topografia da córnea, que mostra as variações da curvatura da córnea para detectar doenças e também para a adaptação de lentes de contato.

Nesta postagem, falaremos do exame, como ele é feito, quem deve realizá-lo, se exige preparação prévia, o valor do procedimento e mais detalhes. Então, boa leitura!

O que é a ceratoscopia?

É um exame que mostra as variações da curvatura da córnea de ponto a ponto, de forma a avaliar a superfície da córnea ou fazer o diagnóstico de doenças nela

É um exame que mostra as variações da curvatura da córnea de ponto a ponto, de forma a avaliar a superfície da córnea ou fazer o diagnóstico de doenças nela. 

Ele dura cerca de 15 minutos e não é necessário dilatar as pupilas para realizá-lo.

Por quais razões a ceratoscopia deve ser feita?

  • Permite o diagnóstico de doenças como o ceratocone (problema que afeta a córnea e torna a visão embaçada ou irregular). 
  • É indicada para avaliar a curvatura da córnea no pré-operatório de cirurgia de catarata, transplante de córnea e pterígio (alteração na membrana transparente do olho) e outras.
  • Identificar presença de miopia e astigmatismo.
  • É um exame essencial antes da cirurgia refrativa, do implante de anéis corneanos (para pessoas com ceratocone) e para planejar incisões na cirurgia de catarata.
  • Monitorar a curvatura da córnea também é importante para o uso de lentes de contato, pois qualquer lente, seja rígida ou gelatinosa, pode gerar distorção corneana.
  • Verificar se há degeneração da córnea.

 Como é realizada a ceratoscopia?

É um exame que mostra as variações da curvatura da córnea de ponto a ponto, de forma a avaliar a superfície da córnea ou fazer o diagnóstico de doenças nela

  • A ceratoscopia é realizada no próprio consultório do oftalmologista. A pessoa é colocada próxima de um equipamento que reflete vários anéis de luz, conhecidos como anéis de Plácido.
  • Como a córnea é a estrutura responsável pela entrada da luz, o médico pode verificar a curvatura da córnea pela quantidade de luz refletida e detectar alterações.
  • O paciente deve fixar o olhar em um ponto definido pelo médico ou técnico. A sonda faz a medição e os dados são processados pelo computador.
  • A distância entre os anéis de luz refletidos é medida e analisada por um software em um computador associado ao equipamento. 
  • As informações obtidas pela emissão dos anéis de luz são transformadas num mapa de cores para ser interpretado pelo profissional.

 O exame dói?

Não, a ceratoscopia é indolor.

A ceratoscopia traz riscos ao paciente?

Não. O exame não é invasivo e não há contato ocular.   

É necessário fazer alguma preparação antes da ceratoscopia?

  • Não. A única ressalva é suspender o uso de lentes de contato 5 dias antes do exame.
  • Não é necessário levar acompanhante e o paciente pode dirigir após o procedimento.

Você gostou desta postagem? Nele, vimos o que é a ceratoscopia,  as situações nas quais o procedimento é feito, como ele funciona, o preço do exame e outras questões. Aproveite e deixe um comentário contando se o conteúdo ajudou você a tirar suas dúvidas sobre o tema.

E se você precisar fazer a ceratoscopia ou outros exames, o Julia Herrera Hospital de Olhos está à sua disposição, com os melhores equipamentos e uma equipe treinada para realizar este exame da forma mais rápida e eficiente possível. Clique aqui ou saiba mais em www.juliaherrera.com.br. 

Escreva um comentário