• Rua Tapajós, 645/655. Centro, Manaus/AM
  • (92) 3233-5555, (92) 98118-1168
  • Seg a sex: 12:30h às 19h Sáb 08:00 às 12h e 13:00 às 17h

Blog

Sente a sua vista cansada? Saiba como tratar a presbiopia!

vista cansada

Você tem se sentido com a “vista cansada” ultimamente? Calma! Este problema não atinge somente você. Por isso, hoje nós trouxemos um texto para esclarecer as principais dúvidas que as pessoas têm em relação a esta deficiência dos olhos. Veja!

Por que sinto minha vista cansada?

A vista cansada pode ser causada por diversos fatores, como por exemplo: doenças nos olhos ou esforço excessivo do aparelho ocular. Ou o que pode estar acontecendo também, e é natural com a idade, é a presbiopia. 

Presbiopia é o nome científico para a “vista cansada”, como comumentemente chamamos. Porém, a vista cansada em si, pode ser algo momentâneo. A presbiopia não. E é isso que vamos esclarecer hoje. 

Ela ocorre geralmente com pessoa a partir de 40 anos de idade e se dá pela perda da capacidade de enxergar objetos próximos. Porém, ela vai além de um simples cansaço visual.

Por que isso acontece?

Conforme vamos envelhecendo, nosso corpo vai deixando de produzir algumas substâncias essenciais para o bom funcionamento do organismo e este é o caso da presbiopia. 

Nosso olho possui uma espécie de lente, chamada “cristalino”, que muda de forma para que nossa visão tenha um foco melhor nos objetos, principalmente quando estão próximos. Esse cristalino é movido pelos músculos ciliares, que com o avançar da idade vão deixando de funcionar tão bem e resultam na vista cansada.

Além da idade, outros fatores favorecem o aparecimento da presbiopia, como:

  • Condições de saúde: pessoas com anemia, diabetes, esclerose múltipla e doenças cardiovasculares têm mais chances de desenvolver a presbiopia antes dos 40 anos;
  • Uso de medicamentos: anti-histamínicos, diuréticos e antidepressivos também podem aumentar as chances de desenvolvimento da vista cansada.

Leia mais: 

Como diagnosticar e tratar a presbiopia?

Algumas situações que podem indicar a presença da presbiopia são:

  • Dificuldades na leitura (incapacidade de enxergar letras muito pequenas);
  • Dores de cabeça ao tentar ler algo de perto;
  • Necessidade de mais luz para enxergar;
  • Não conseguir enxergar bem de perto, necessitar afastar objeto para ver;

Se você está lendo este conteúdo e estiver forçando sua visão ou aproximando o aparelho para poder ler, tem grandes chances de você está com presbiopia.

Mas lembrando que não é indicado fazer um auto diagnóstico, sendo necessário que você se dirija até um oftalmologista para uma avaliação. Caso, após os exames, você confirme a presbiopia, o médico indicará melhor o que você deverá fazer para tratar. 

Tratamento

O tratamento não te devolverá uma visão 100% de volta, mas fará com que diminua a sensação de vista cansada. O oftalmologista indicará tratamentos que corrijam ou estabilizem a capacidade dos seus olhos em focar em objetos próximos.

Algumas possíveis indicações do especialista podem ser:

Óculos de grau ou lentes de contato: Para uma solução mais viável, é feita a indicação do uso de óculos ou lentes de contato para aliviar a sensação de vista cansada. Eles farão o papel do cristalino, melhorando a projeção da imagem na retina do olho.

Para tratamento de vista cansada, geralmente será indicado lentes ou óculos com grau positivo. Mas lembre-se: o grau correto deverá ser indicado pelo médico após a avaliação. 

Cirurgias: 

  • Cirurgia refrativa: Neste procedimento, é utilizada a lasik – técnica a laser aplicada na correção de miopia, astigmatismo e hipermetropia, moldando a superfície anterior da córnea. Este tipo de cirurgia não atinge diretamente o cristalino, por isso, a longo prazo o resultado se torna menos perceptível.
  • Radiofrequência: este tipo também é uma solução temporária para o problema de vista cansada e faz a alteração do encurvamento da córnea, para a melhor projeção da imagem na retina dos olhos. Porém, esta técnica é pouco utilizada no Brasil.
  • Cirurgia faco-refrativa: Esta é uma cirurgia que atinge diretamente o cristalino dos olhos. Para ser mais preciso, ela consiste na substituição do cristalino por uma lente artificial de acrílico (polimetilmetacrialto). Esta substituição é similar a que é feita no tratamento de pacientes com catarata. Porém, nem todos os médicos recomendam este método.  

Esperamos ter esclarecido as suas principais dúvidas com este conteúdo. Para entender mais sobre as doenças que podem atingir os seus olhos, sugerimos que leia agora: Está com coceira nos olhos? Veja 6 possíveis causas e como tratar

Escreva um comentário